Clique aqui e receba nossa

NEWSLETTER

BOOKMARKS

Eco Cidades
Apiaí- SP

Apiaí- SP

Apiaí -SP "Portal da Mata Atlântica" é um município brasileiro do estado de São Paulo. Localiza-se a uma latitude 24º 30'35.19311 Sul e a uma longitude 48º 50'33.47928 Oeste, estando a uma altitude de 1050 metros, com uma população estimada de 25.700 hab IBGE/2009 [6] a Comarca de Apiaí está localizada na região do Alto Vale do Ribeira, Microrregião de Capão Bonito e pertence a Região Administrativa de Sorocaba.

.: Dados Gerais
agenda

História Apiaí, a Antiga Apiaí começou como uma pequena vila que vivia em função do extrativismo mineral da região. Thomaz Dias Baptista (tronco da família Dias Baptista), foi um dos fundadores da vila de Apiaí, junto com seu sogro Manoel Rosa Luiz e seu concunhado Francisco Xavier da Rocha este, obrigado a fugir de Minas Gerais, onde havia sido Capitão-Mor de um de seus "arraiais", por crime ali praticado, veio parar nestas regiões, ao sul, com 150 escravos, fundando então um pequeno povoado. Sabendo, por intermédio de um caçador de Itapetininga, da existência de ouro nas nascentes do Rio "Apiaí"(Rio Menino na língua Tupi Guarani), vindo então a estabelecer-se no lugar, de nome "Capoeiras" (hoje o Distrito de Araçaiba - Apiaí - SP), tendo depois seguido adiante fundando uma das primeiras povoações, que dariam origem ao Município de Apiaí, com o nome de "santo Antonio das Minas". Em 1.770, o Governador D. Luiz Antonio de Souza Botelho de Moura, elevou-se o nascente povoado à categoria de Vila com nova denominação de "Santo Antonio das Minas de Apiaí", em 1.774 começou seus trabalhos à Câmara Municipal. A primitiva vila que deu origem à cidade de Apiaí, localizou-se em três lugares diferentes, sendo a mais antiga, hoje conhecido como Vila Velha dos Peões, distantes alguns quilômetros de Apiaí atual, compunha-se de escravos e aventureiros, dispostos a mudarem- se para o primeiro lugar lhes oferecessem melhores vantagens. Foi assim que à procura de ouro muitos foram estabelecer-se junto ao "Morro do Ouro"(localizado no centro do município), dando origem a outra povoação. Mais tarde, correndo ali um desmoronamento em que cem pessoas morreram soterradas, paralisando-se a mineração, visto que o Morro estava com muitas escavações para a exploração do precioso ouro, podendo ocorrer novos desmoronamentos, mesmo porque não havia ouro em quantidade suficiente para satisfazer a ambição de todos os exploradores (ingleses, americanos e os japoneses), muitos abandonaram o lugar e outros embrenharam-se nas matas vizinhas dedicando-se a lavoura. Tais núcleos de povoação foram elevados, por Portaria de Morgado de Mateus e sancionada pelo governador de São Paulo, D. Luiz Antonio de Souza Botelho de Moura, à categoria de município, no ano de 1.771. Constitui-se então o município dos atuais territórios, que hoje são os municípios de Ribeira, Iporanga e parte do Paraná(cidades estas que hoje fazem parte do Parque Estadual Turístico do Vale do Ribeira - PETAR). Tendo a lei Estadual de 19 de dezembro de 1906. Sob o nº 1.038, a sede municipal recebeu Foros na cidade, finalmente pela lei Estadual nº 2.840, de 7 de janeiro de 1.937, Apiaí, foi elevada a categoria de Comarca. Atualmente Apiaí é um município turístico, com vários morros, dentre eles o Morro do Ouro, o mais famoso de todos. Cercado pela Mata Atlântica, possui muitas grutas e cachoeiras e faz parte de roteiros turísticos. cidade de clima frio, localizada no Vale do Ribeira, numa região declarada pela UNESCO como “Reserva da Biosfera do Patrimônio Mundial”, tendo na região de Apiaí o maior remanescente de Mata Atlântica do país, evidenciando uma riqueza paisagística composta de recursos naturais de rara beleza.

.: Sustentabilidade
agenda

Meio Ambiente Araucarias Apiaí possui uma Reserva Biológica Municipal, com área de 2.247 alqueires paulista e 526 milésimos de alqueire, com objetivo básico de preservar o remanescente florestal existente, possibilitando a realização de pesquisas científicas e o desenvolvimento de atividades de educação ambiental e de turismo educacional. Floresta-atlânticaTerreno denominado Fazenda Bethel, antiga Fazenda Santa Rita, situada no distrito de Araçaíba. A Secretaria Municipal de Turismo, Cultura e Meio Ambiente administra a Reserva Biológica, podendo realizar parcerias que estiverem contempladas na legislação específica nas esferas estaduais e federais adotando as medidas necessárias à sua efetiva proteção, implantação e controle, na forma do artigo 20 e seguintes da Lei nº 9.985, de 18 de julho de 2000. A Reserva Biológica foi criada pelo Decreto nº 168/2011 publicada no DOE-SP do dia 12/02/2011. O que é a Reserva Biológica? A Reserva Biológica consiste em uma categoria de unidade de conservação ambiental na legislação brasileira. Uma Reserva Biológica [10] tem como objetivo a preservação integral da biota e demais atributos naturais existentes em seus limites, sem interferência humana direta ou modificações ambientais, excetuando-se as medidas de recuperação de seus ecossistemas alterados e as ações de manejo necessárias para recuperar e preservar o equilíbrio natural, a diversidade biológica e os processos ecológicos naturais. É de posse e domínio públicos, sendo que as áreas particulares incluídas em seus limites serão desapropriadas, de acordo com o que dispõe a lei. Pela lei, é proibida a visitação pública nas reservas biológicas, exceto aquela com objetivo educacional, de acordo com regulamento específico. Já a pesquisa científica depende de autorização prévia do órgão responsável pela administração da unidade e está sujeita às condições e restrições por este estabelecidas, bem como aquelas previstas em regulamento.

.: Meio Ambiente
agenda

Parque Natural Municipal Morro do OuroAtravés do Decreto Municipal nº 10/98, a antiga área do Manifesto da Mina do Morro do Ouro foi transformada no Parque Natural Municipal Morro do Ouro; uma área de aproximadamente 540 hectares, onde são preservadas os mananciais de água que abastecem a cidade. No local, além de trilhas, mirante e muito verde, o visitante poderá encontrar túneis e ruínas da antiga mineração de ouro, que foram importantes para o desenvolvimento de Apiaí. Pontos Turísticos Apiaí é uma cidade maravilhosa, com um clima ímpar e com uma população extremamente receptiva. Uma porção do PETAR está dentro do município e possuí também alguns parques (Parque Municipal Morro do Ouro) e uma rica tradição em artesanato em argila. A cidade é a única do Estado de SP que possuí registros (fotografias) de que tenha caído neve. Isso mesmo. Já nevou em Apiaí, em 17 de julho de 1975. Segundo relato de alguns moradores, eles chegaram a fazer até bonecos de neve pelas ruas. Na época a agricultura da região sofreu muitos estragos. Todos os anos, a Casa do Artesão participa do evento "REVELANDO SÃO PAULO", expondo cerâmica e trançado, e vendendo os petiscos da cozinha regional. Na Casa do Artesão, o visitante poderá adquirir peças utilitárias e decorativas em argila, em palha, taboa e em capiau (rosário), além de produtos alimentícios artesanais, como compotas e licores. Vale a pena conferir. Mais informações sobre o petar acesse http://www.petaronline.com.br/index.htm

.: Educação & Cultura Ambiental
agenda

.....

.: Urbanismo e Habitação Sustentável
agenda

.....

.: Resíduos (Lixo / Esgoto) & Reciclagem
agenda

Prefeitura de Apiaí promove coleta de embalagens de agrotóxicos A Prefeitura de Apiaí, através da Secretaria Municipal de Agropecuária, em parceria com a Associação dos Distribuidores de Insumos Agrícolas do Estado de São Paulo (ADIAESP) promoveu coleta de embalagens vazias de agrotóxicos de cerca de 200 produtores rurais do município. A coleta ocorreu na sexta-feira (22) na Agroindústria, localizada no bairro Pinheiros. A secretária de Agropecuária Érica Pereira esteve presente e acompanhou os trabalhos. De acordo com o diretor do departamento da unidade municipal de cadastro Josias de Camargo Moraes, foram coletados aproximadamente 10 toneladas de embalagens vazias de agrotóxicos de produtores de Apiaí, tanto dos bairros urbanos, quanto da zona rural. “O motivo da iniciativa tem como objetivo o descarte correto das embalagens, diminuindo o risco para a saúde das pessoas e de contaminação do meio ambiente. É importante a conscientização da iniciativa e sua importância para o meio ambiente”, comentou. O Agricultor teve que preparar e separar as embalagens vazias para devolvê-las na unidade de recebimento. Cada categoria é classificada de acordo com a sua composição, durabilidade e aspecto físico, sempre respeitando as instruções para a seleção das embalagens. O produtor teve que retirar nota fiscal dos produtos antes de descartar os agrotóxicos.

.: Recursos Renováveis (Água e Energia)
agenda

HidrografiaRio Apiaí-Guaçu Rios Ribeira de Iguape, Catas Altas, Pirituba, Macacos, Pilões, Tijuco, Palmital, Claro, Saivá e Estiva Rio Betari

.: Economia Sustentável Municipal
agenda

Realizando o Censo da Economia Verde Municipal em parceria com a Made in Forest

21932

Numero de Visitas da Eco Cidade

nesta página desde


.: CONTATOS
endereco

Avenida Presidente Humberto de Alencar Castelo Branco,, 966 .
Pinheiros, Apiaí - SP
CEP: 18320-000

E-mail: cemae@apiai.sp.gov.br
Telefone: (15) 3552 4401
Site: http://www.apiai.sp.gov.br/

.: MURAL
agenda

Últimas postagens

.: AUTENTICAÇÃO
agenda